Normas Brasileiras de Contabilidade: conheça a principais

7 minutos para ler

contabilidade de uma empresa pode ter variações muito grandes de um tipo de negócio para o outro. O segmento de atuação de um pode gerar necessidades e obrigações diferentes de outros. Nesse sentido, existem normas que vieram regulamentar e padronizar uma série de elementos aplicáveis a toda empresa legalmente constituída; estamos falando das Normas Brasileiras de Contabilidade (NBCs).

Quer saber um pouco mais sobre elas? Então, acompanhe-nos esta leitura e conheça as principais determinações que podem ser aplicáveis ao seu negócio.

O que são as Normas Brasileiras de Contabilidade?

NBCs podem ser entendidas como um conjunto de regras que são editadas pelo Conselho Federal de Contabilidade (CFC) — órgão máximo que regula a atuação dos contadores e aplicação das normas, conceitos e preceitos contábeis — que têm como propósito principal nortear os procedimentos que devem ser executados por todos os profissionais que atuam nesta área.

Além disso, as Normas Brasileiras de Contabilidade proporcionam uma série de diretrizes importantes, que têm como objetivo de uniformizar as ações executadas pelos profissionais contábeis, mantendo um padrão ético e procedimental no exercício de suas atribuições.

Outro objetivo que fundamenta as NBCs é o de fazer com que as informações geradas nas empresas ou nos  escritórios contábeis sejam perfeitamente compreensíveis para toda a população de modo geral, principalmente, para os empresários que contrataram o serviço contábil.

Qual a sua importância?

Uma empresa deve registrar em seus livros todas as operações realizadas   em consonância com as Normas Brasileiras de Contabilidade. Afinal, esse tipo de registro impactará diretamente em seus resultados.

Ao ler esta indicação, muitos empresários podem não a entender corretamente, afinal, por que a aplicação de preceitos que não têm relação direta com o negócio pode contribuir para o seu crescimento? A resposta pode ter vários pontos.

Inicialmente, ao registrar os fatos de acordo com as NBCs, um empresário terá mais facilidade para fazer a leitura das suas demonstrações contábeis, ferramentas essenciais que embasam a tomada de decisões dentro da empresa. Além disso, ao seguir as determinações dessas normas, seu negócio atuará de acordo com as regras/normas contábeis internacionais.

Esse tipo de prática poderá facilitar o processo de entrada da sua empresa em mercados internacionais, caso esse seja o seu interesse. Além disso, ela pode facilitar o acesso de investidores estrangeiros em seu negócio, oferecendo excelentes oportunidades para alavancar e expandir o negócio.

As Normas Brasileiras de Contabilidade também auxiliam aos gestores a tornarem seus departamentos contábeis mais eficientes, estabelecendo padrões e melhorando a rotina de trabalho do setor, fazendo com sejam mais ágeis e produtivos.

Quais são as principais NBCs e como elas funcionam?

Agora que você já sabe o que são as Normas Brasileiras de Contabilidade e conseguem identificar a importância delas para o sucesso de um negócio, vamos apresentar as principais para que possa começar a aplicá-las.

Essas diretrizes foram criadas no ano de 1976 e passaram por profundas transformações a partir da publicação da Lei 11638/2007, principalmente, para se adaptarem aos padrões internacionais de contabilidade, que passaram a ser exigidos em empresas brasileiras. Com o efeito disso, as NBCs passaram a ser divididas em dois grupos, as normas técnicas e profissionais, os quais descreveremos nos próximos tópicos. Continue lendo

Normas técnicas

As normas técnicas da NBC são identificadas da seguinte forma: “NBC T” e abrangem questões fundamentais ligadas às execuções de atividades formais que os contadores devem realizar. Elas são aplicadas para regulamentar assuntos específicos dentro do cotidiano de um escritório contábil  e das empresas.

Com elas, os profissionais desse segmento aplicam os conceitos e procedimentos padrões que devem ser seguidos para determinada situação dentro de uma empresa. Confira um pouco mais sobre as NBC Ts.

  • normas completas: contemplam um total que ultrapassa 70 regras que têm por objetivo estabelecer diretrizes para a elaboração de relatórios, demonstrativos, contratos, distribuição de lucros, transferências de ativos e outros processos;
  • normas simplificadas para pequenas e médias empresas: uma série de determinações contábeis que são direcionadas às PMEs;
  • normas específicas: utilizadas para regulamentar algumas atividades em especial, tais como: entidades desportivas, cooperativas, setor público, escrituração digital, entre outras;
  • NBC TSP: um conjunto de normas que abrange todo o setor público, e que serve para regulamentar contratos que vão deste a concessão até sistemas de informação de custos;
  • NBC TA: estabelece regras voltadas para a auditoria independente;
  • NBC TR: normas que regulamentam a revisão de informações contábeis históricas;
  • NBC TO: regras que tratam de informações não histórica;
  • NBC TSC: regras que são utilizadas para assuntos ligados aos serviços que têm correlação com a contabilidade, tai como: demonstrativos contábeis;
  • NBC TI: normas técnicas para organizar procedimentos de auditoria interna;
  • NBC TP: regulamenta o trabalho dos peritos.

Normas profissionais

Como o próprio nome sugere, as normas profissionais são utilizadas para regulamentar a execução das atividades daqueles que atuam na contabilidade. Segundo as determinações do Conselho Federal de Contabilidade (CFC), elas devem ser divididas nas seguintes categorias:

  • NBC PG: esse conjunto de normas é um aglomerado de procedimentos aplicados a todos os profissionais da área contábil. Além delas, existem outras quatro regras que estão vinculadas à esta norma geral, são elas: NBC PG 100, NBC PG 200, NBC PG 300 e NBC PG 12 -R3, que contém regras para a educação continuada desses profissionais.
  • NBC PA: destinada para auditores independentes, essas normas são utilizadas para regulamentar os trabalhos desses profissionais. Além disso, as pessoas que atuam nesse segmento também estão relacionadas a outros cinco tópicos que regulamentam questões como qualidade, qualificação técnica, independência no trabalho, revisão externa entre outros fatores.
  • NBC PB: esta norma é direcionada para os profissionais que atuam como Perito Contábil.

Normas internacionais de contabilidade

O principal objetivo das mudanças que foram publicadas em 2007 foi aplicar o padrão internacional de contabilidade. Essas determinações vieram do Comitê Internacional de Normas de Contabilidade (IASB) e o foco principal dessa organização é manter um padrão na metodologia de apresentação das demonstrações contábeis, regulamentando procedimentos do dia a dia em todo o mundo.

Com esse padrão global é possível por exemplo, que uma pessoa de outro país consiga analisar e entender com clareza as informações contábeis de uma empresa brasileira. Isso é verdadeiramente interessante para as empresas multinacionais ou para as que pretendem expandir suas operações para outro país.

Com elas, um investidor internacional conhecerá melhor sobre a capacidade geradora de lucro de uma companhia, aumentando a confiabilidade deles na empresa, gerando um maior fluxo de investimentos. Nesse sentido, as empresas que se adequam aos padrões determinadas pelo IASB adquirem mais confiança do mercado, oferecendo informações de qualidade e maior eficiência nos processos.

Por fim, podemos concluir que as Normas Brasileiras de Contabilidade, ao serem seguidas da forma que foram descritas, proporcionam acuracidade nos demonstrativos de uma empresa, colocando-a em um altíssimo grau de confiabilidade, atraindo investidores que contribuirão para o seu crescimento sustentável.

Gostou destas informações? Que tal ficar sabendo todas as vezes que postarmos um novo artigo? Então, assine nossa newsletter e não perca nenhum novo conteúdo.

Posts relacionados

Deixe um comentário